ÚLTIMA HORA

CARIRI

POLICIAL

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

sexta-feira, 22 de março de 2019

Prefeitura de S. S. do Umbuzeiro realiza oficina de Confecção de lembrancinhas em feltro

A Prefeitura Municipal de São Sebastião do Umbuzeiro, através da Secretaria da Assistência Social e do Desenvolvimento Humano e do CRAS, iniciou nesta semana, com o grupo de mulheres gestantes do Programa Criança Feliz, uma oficina de Confecção de lembrancinhas em feltro.

A ação tem como objetivo oportunizar a geração de renda e estimular a reflexão sobre significado do vínculo paterno na dinâmica familiar.

O Grupo de Mulheres tem varias integrantes inscritas e é realizado pela prefeitura municipal que promove visitas, acompanhamentos na gestação e orienta as famílias a respeito das questões relacionadas à proteção, ao estímulo e a garantia da saúde.

quinta-feira, 21 de março de 2019

Sumé sedia nesta sexta-feira Encontro Regional do Programa Mais Médicos

Nesta sexta-feira (22), o município de Sumé estará sediando o Encontro Regional do Mais Médicos. Será a 22ª Oficina Regional do Programa.
O público alvo são os médicos participantes do Programa e o evento ocorrerá no auditório da Unidade de Saúde Maria do Carmo Ramos, no centro da cidade.
O encontro servirá para os profissionais exporem os trabalhos que estão sendo realizados em cada município e identificar as necessidades de saúde da população e avaliar a acessibilidade à equipe e à saúde.

Estarão participando, além de Sumé, as cidades de Gurjão, Santo André, Monteiro e Amparo.

Ingressos para a Paixão de Cristo em Nova Jerusalém são vendidos em Monteiro

Os ingressos para a temporada 2019 da Paixão de Cristo em Nova Jerusalém começaram a ser vendidos em pontos físicos de Pernambuco e da Paraíba. A peça será de 13 a 20 de abril e terá Juliano Cazarré como Jesus. Nos pontos de venda, o preço dos ingressos varia de R$ 100 a R$ 120, dependendo do dia. A meia entrada é válida para estudantes, público de até 14 anos, idosos e professores da rede estadual de Pernambuco.
Outra a opção é a compra pelo site oficial do evento. Neste caso, o valor da entrada pode ser parcelado em até 12 vezes nos cartões de créditos.
Elenco
Além de Juliano, a temporada 2019 traz como atores convidados Priscila Fantin (Maria), Ricardo Tozzi (Herodes), Gabriel Braga Nunes (Pilatos) e Bruno Lopes (Apóstolo João), além dos pernambucanos Ricardo Mourão (Caifás), José Barbosa (Judas) e Nínive Caldas (Madalena).
Pontos de venda
Monteiro-PB – Churrascaria Cariri
Campina Grande-PB – Manoel da Carne de Sol
João Pessoa-PB – Luck Viagens
Caruaru-PE – Fábrica da Moda, Lojas MC Rosal, Polo Caruaru, Caruaru Shopping e Shopping Difusora
Santa Cruz do Capibaribe-PE – MC Rosal e Transbraz Viagens e Turismo
São José do Egito-PE – Transbraz Viagens e Turismo
Surubim-PE – Cia Viagens e Turismo
Brejo da Madre de Deus – Adriana Viagens

Recife-PE – Luck Viagens, Shopping Center Recife, Shopping Rio Mar e Livraria Jaqueira

Michel Temer e Moreira Franco são presos pela Lava Jato do RJ


O ex-presidente Michel Temer foi preso em São Paulo na manhã desta quinta-feira (21) pela força-tarefa da Lava Jato do Rio de Janeiro. Os agentes também prenderam o ex-ministro Moreira Franco no Rio. A PF cumpre mandados contra mais seis pessoas, entre elas empresários e o coronel João Batista Lima Filho, amigo de Temer.
Preso, Temer foi levado para o Aeroporto de Guarulhos, onde vai embarcar em um voo e será levado ao Rio de Janeiro em um avião da Polícia Federal. O ex-presidente deve fazer exame de corpo de delito do IML em um local reservado e não deve ser levado à sede da PF de São Paulo, na Lapa.
Os mandados foram expedidos pelo juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal Criminal do Rio, responsável pela Lava Jato no Rio de Janeiro. A prisão de Temer é preventiva. Ao todo são dez mandados de prisão: duas temporárias e oito preventivas. Agentes também cumprem 26 mandados de busca e apreensão no Rio de Janeiro, em São Paulo, no Paraná e no Distrito Federal.
Temer falou por telefone ao jornalista Kennedy Alencar, da CBN, no momento em que havia sido preso. O ex-presidente afirmou que a prisão “é uma barbaridade”.
Desde quarta-feira (20), a PF tentava rastrear e confirmar a localização de Temer, sem ter sucesso. Por isso, a operação prevista para as primeiras horas da manhã desta quinta-feira atrasou.
O MDB, partido do ex-presidente, divulgou uma nota. “O MDB lamenta a postura açodada da Justiça à revelia do andamento de um inquérito em que foi demonstrado que não há irregularidade por parte do ex-presidente da República, Michel Temer e do ex-ministro Moreira Franco. O MDB espera que a Justiça restabeleça as liberdades individuais, a presunção de inocência, o direito ao contraditório e o direito de defesa”, diz o texto.
Inquéritos contra Temer
Temer é um dos alvos da Lava Jato do Rio. A prisão teve como base a delação de José Antunes Sobrinho, dono da Engevix. O empresário disse à Polícia Federal que pagou R$ 1 milhão em propina, a pedido do coronel João Baptista Lima Filho (amigo de Temer), do ex-ministro Moreira Franco e com o conhecimento do presidente Michel Temer. A Engevix fechou um contrato em um projeto da usina de Angra 3.
Além deste inquérito, o ex-presidente Michel Temer responde a nove inquéritos. Cinco deles tramitavam no Supremo Tribunal Federal (STF), pois foram abertos à época em que o emedebista era presidente da República e foram encaminhados à primeira instância depois que ele deixou o cargo. Os outros cinco foram autorizados pelo ministro Luís Roberto Barroso em 2019, quando Temer já não tinha mais foro privilegiado. Os inquéritos foram enviados à primeira instância.
Michel Temer (MDB) foi o 37º presidente da República do Brasil. Ele assumiu o cargo em 31 de agosto de 2016, após o impeachment de Dilma Rousseff, e ficou até o final do mandato, encerrado em dezembro do ano passado. Temer é o segundo ex-presidente do Brasil preso por crime comum.
Eleito vice-presidente na chapa de Dilma duas vezes consecutivas, Temer chegou a ser o coordenador político da presidente, mas os dois se distanciaram logo no começo do segundo mandato.
Formado em direito, Temer começou a carreira pública nos anos 1960, quando assumiu cargos no governo estadual de São Paulo. Ao final da ditadura, na década de 1980, foi deputado constituinte e, alguns anos depois, foi eleito deputado federal quatro vezes seguidas. Chegou a ser presidente do PMDB por 15 anos.

PARAÍBA

POLÍTICA

GERAL

 
Copyright © 2013 - 2019 Cariri da Gente
E-mail de contato: cariridagente@bol.com.br