ÚLTIMA HORA

sexta-feira, 15 de setembro de 2017

Monteiro e mais 58 municípios entram para o Novo Mapa Turístico da Paraíba

Cento e uma cidades da Paraíba vão integrar o novo mapa do turismo no estado. Em relação à última edição documento, de 2016, o estado acrescentou 59 municípios com vocação turística, distribuídos em nove regiões turísticas, dentre eles Monteiro no Cariri Paraibano.

Monteiro, terra de belezas poéticas

A Pedra do Peru é um dos principais pontos turísticos de Monteiro. Tem esse nome devido a sua forma de bico. O local conta com infra-estrutura para turistas e visitantes, restaurante, e locais para prática de esportes de aventura, entre caminhada, escalada e rapel. Um ótimo local para reunir a família, os amigos e curtir a paisagem com vista panorâmica para toda a cidade e região.

Os meses de Junho e Setembro são os melhores para visitar o local, pois são os meses de festa na cidade e o número de turistas e visitantes almenta, mas o local sempre está pronto para receber os visitantes.

Além das belezas naturais como a Lage das Moças, a mundialmente famosa Loca de Zabé, a nascente do Rio Paraíba na Serra do Jabitacá e o mais novo percurso das Águas do São Francisco, a cidade ainda conta com atrações como o Soma nas Pedras que acontece na Pedra dos Índios no Sítio Santa Catarina, Rota Cultural do Cariri,além de inúmeros Festivais de Cultura e Teatro.

Como já diz o velho ditado da cidade, “Quem bebe da água de Monteiro sempre volta”

O levantamento completo do Mapa do Turismo Brasileiro foi divulgado nesta quinta-feira (14) pelo Ministério do Turismo. Em todo o país, foram listados 3.285 municípios em 328 regiões turísticas, um crescimento exponencial em relação ao Mapa de 2016, quando foram registradas 2.175 cidades em 291 regiões.

O crescimento dos números é resultado de um amplo trabalho de conscientização do Ministério do Turismo junto aos gestores municipais e estaduais a respeito da necessidade de identificação e classificação das cidades para que as políticas públicas e investimentos sejam mais adequados à realidade de cada região.

“O mapa é um instrumento muito importante para gestão, estruturação e promoção dos destinos. Por isso, é importante que ele esteja sempre atualizado, garantindo com que os municípios que queiram trabalhar o turismo como uma atividade econômica, tenham prioridade dentro das políticas e ações do MTur”, afirmou o ministro do turismo.

A atualização periódica do Mapa faz parte de uma estratégia do Plano Brasil + Turismo, lançada este ano pelo ministro Marx Beltrão para fortalecer o setor de viagens no país. De acordo com o Plano, a partir de 2017 o Mapa passa a ser atualizado a cada dois anos. Sua construção é feita em conjunto com os interlocutores estaduais que representam o MTUR e órgãos oficiais de Turismo dos estados brasileiros e instâncias de governança regional.

CATEGORIZAÇÃO DOS MUNICÍPIOS DA PARAÍBA – De acordo com o novo mapa, sete cidades estão nas categorias A, B e C, que são aquelas que concentram o fluxo de turistas domésticos e internacionais. Como exemplo, temos destinos como Cabedelo, Cajazeiras, Campina Grande, João Pessoa e Patos.

Os demais 94 municípios figuram nas categorias D e E. Esses destinos não possuem fluxo turístico nacional e internacional expressivo, no entanto alguns possuem papel importante no fluxo turístico regional e precisam de apoio para a geração e formalização de empregos e estabelecimentos de hospedagem.

Postar um comentário

Não serão aceitos comentários de cunho pejorativo, obsceno, racista e ofensivo. Comentários abusivos, odiosos ou difamadores de qualquer pessoa ou instituição serão igualmente desconsiderados.

 
Copyright © 2013 - 2016 Cariri da Gente
E-mail de contato: cariridagente@bol.com.br