ÚLTIMA HORA

sexta-feira, 18 de maio de 2018

Polícia prende suspeito de matar ex-candidato a vice-prefeito

A Polícia Civil da Paraíba, por meio do Núcleo de Homicídios do Litoral Sul, prendeu, nesta sexta-feira (18), Wellington Bezerra da Silva, suspeito de ser um dos autores do homicídio do ex-candidato a vice-prefeito de Alhandra, empresário João da Galinha. O crime aconteceu no dia 22 de dezembro de 2017.
De acordo com as investigações, Wellington era ex-funcionário de João e exercia a função de motorista. Após a prisão, o suspeito foi recolhido à carceragem da Central de Polícia, onde aguarda audiência de custódia.
No dia do crime, o empresário foi atingido por um disparo de arma de fogo na testa dentro de sua residência. O tiro foi efetuado por duas pessoas que já foram presas pela Polícia Militar após cerco na BR-101. De acordo com o comandante da Polícia Militar na região, Major M. Lima, os suspeitos confessaram o crime e junto com eles foram apreendidos dois revólveres.
Na fuga, os criminosos roubaram um veículo Gol, mas a PM conseguiu abordá-los na rodovia federal. Os suspeitos, assim como as armas apreendidas, foram levados para a Delegacia Seccional de Alhandra onde serão ouvidos pelo delegado e ficarão à disposição da Justiça.
No mês de agosto a casa do empresário foi invadida por dois homens armados. Eles roubaram documentos pessoais, celulares e R$ 60 mil. Na época ele afirmou que o dinheiro guardado era o lucro do fim de semana do estabelecimento comercial que mantinha.
João foi candidato a vice-prefeito pelo PCdoB na chapa de Marcelo Rodrigues em 2016, que tentava a reeleição, mas eles não venceram.

Postar um comentário

Não serão aceitos comentários de cunho pejorativo, obsceno, racista e ofensivo. Comentários abusivos, odiosos ou difamadores de qualquer pessoa ou instituição serão igualmente desconsiderados.

 
Copyright © 2013 - 2018 Cariri da Gente
E-mail de contato: cariridagente@bol.com.br