ÚLTIMA HORA

quinta-feira, 4 de julho de 2019

São Sebastião do Umbuzeiro tem projeto selecionado para apresentação em Brasília


O município de São Sebastião do Umbuzeiro, no Cariri, teve seu projeto aprovado no “Encontro Nacional do Projeto Aedes na Mira”. Com o título 'Educação e Saúde Ambiental para enfrentamento do Aedes Aegypti - São Sebastião do Umbuzeiro', concorreu com 1.500 projetos de autores de todo o país, sendo que apenas 300 foram escolhidos para serem apresentados em Brasília.

O projeto foi elaborado pela autora e enfermeira Hérica Maria Teixeira Medeiros. Na manhã desta quinta-feira (4), o projeto foi apresentado no Centro de Convenções Ulisses Guimarães em Brasília na Sala M7, em Brasília.

O projeto é utilizado como ferramenta de educação em saúde e enfrentamento das arboviroses (doenças causadas pelos chamados arbovírus, que incluem o vírus da dengue, Zika vírus, febre chikungunya e febre amarela), onde em parceria com Prefeitura e Secretárias do município de São Sebastião do Umbuzeiro, foi buscado levar informações de prevenção, educação e orientação com destaque para o importante papel da população protagonista no combate aos focos do mosquito.

A enfermeira Hérica Maria Teixeira Medeiros destacou que o projeto visa a ação em caso de irregularidades para sanar em tempo hábil evitando a proliferação do mosquito Aedes Aegypti.

"O foco principal é estimular o desenvolvimento de novos hábitos no que se referem às questões ambientais, principalmente quanto ao consumo consciente da água, uma vez que vivenciamos uma das maiores secas de todos os tempos, e a separação e destinação adequada dos resíduos sólidos domiciliares para que estes não contribuam na proliferação de vetores que causem danos à saúde da população", disse a autora.

"Para o seu pleno desenvolvimento buscamos a intersetorialidade envolvendo outros órgãos da Prefeitura Municipal, a exemplo das Secretarias de Educação, Ação Social e Infraestrutura, bem como demais instituições como o Conselho Municipal de Saúde, Sindicato dos Trabalhadores Rurais e Entidades Religiosas", finalizou.

Postar um comentário

Não serão aceitos comentários de cunho pejorativo, obsceno, racista e ofensivo. Comentários abusivos, odiosos ou difamadores de qualquer pessoa ou instituição serão igualmente desconsiderados.

 
Copyright © 2013 - 2019 Cariri da Gente
E-mail de contato: cariridagente@bol.com.br