ÚLTIMA HORA

quinta-feira, 21 de novembro de 2019

Câmara de João do Tigre realiza sessão ordinária e debate importantes assuntos para comunidade

A Câmara Municipal de São João do Tigre realizou mais uma sessão ordinária na manhã desta quinta-feira (21), onde debateu importantes assuntos do interesse do município. Na pauta da 19° sessão ordinária do ano, foi colocado a leitura da ata da última reunião e o requerimento 001/2019, de autoria do Vereador Salomão.

O Presidente da Câmara, Vereador Arnóbio Pereira, trouxe uma boa notícia para a comunidade. Ele esteve reunido com o delegado seccional da 14° DSPC, e firmou compromisso de todas quartas-feira ser encaminhado um delegado para atender as demandas do município. Arnóbio afirmou que se comprometeu em dá toda assistência para garantir a presença da autoridade policial na cidade.

O Presidente destacou ainda que esteve reunido com o técnicos do IBGE, onde tomou conhecimento dos dados do Censo. Ele cobrou uma conscientização da população para que passe os dados corretos para os técnicos do Censo, pois assim estará colaborando com o próprio município.

O vereador Luiz da Aroeira também fez o uso da palavra e se manifestou contra a extinção dos municípios, e considera um crime contra a população dos pequenos municípios, mas acredita que essa proposta não passará no Congresso.

O vereador Valdiro Tutu defendeu que a população compre no comércio local para ajudar, pois comprando em outros municípios estará deixando gera renda na cidade. Ele também cobrou que os bancos enviem um funcionário para fazer a prova de vida dos aposentados, pois muitos não tem condições de se deslocar para Monteiro para que possa fazer essa prova de vida.

Durante a sessão, o Presidente da Casa, Arnóbio convidou o jornalista Emerson Vasconcelos, recentemente aprovado no Exame da Ordem dos Advogados, para falar sobre a PEC que trata da extinção dos municípios, onde o mesmo afirmou que fusão de municípios segue um roteiro constitucional, presente no art. 18, e só podem ser realizadas mediante plebiscito, ouvindo os municípios envolvidos. "Agindo desta forma, a proposta em contrário fere o princípio federativo, que é cláusula pétrea no ordenamento constitucional", disse.

Não havendo nada a tratar, o presidente Arnóbio encerrou a sessão e convidou todos para próxima reunião ordinária.




Postar um comentário

Não serão aceitos comentários de cunho pejorativo, obsceno, racista e ofensivo. Comentários abusivos, odiosos ou difamadores de qualquer pessoa ou instituição serão igualmente desconsiderados.

 
Copyright © 2013 - 2019 Cariri da Gente
E-mail de contato: cariridagente@bol.com.br